Polícia Civil confirma que parte de quadrilha presa em Paracatu furtou Joalheria e Relojoaria em Vazante




Segundo o site de notícias da Rádio Montanheza 93.5, a Polícia Civil de Vazante confirmou, nesta terça-feira (23), que parte de quadrilha presa em 15 de outubro, na cidade de Paracatu, atuou em pelo menos dois crimes na cidade de Vazante.

A quadrilha foi presa após assalto cometido em um posto de combustível daquela cidade.



Em Vazante, os crimes ocorreram neste ano na Lumine Joias e na Relojoaria e Joalheria Roque.

Dois dos indivíduos presos foram reconhecidos nas imagens das câmeras de segurança dos estabelecimentos.



Segundo o delegado de polícia André Luiz, a investigação da Polícia Civil tenta descobrir se há outros comparsas envolvidos nas ações criminosas na cidade.

Na ocasião da prisão, a polícia informou que a organização criminosa que vinha agindo na região de forma organizada, com divisão de tarefas, com objetivo de obter vantagem econômica através da prática de roubos e furtos.



Havia indícios sobre a participação da organização no roubo com explosão de caixa na via 040, roubos em Paracatu, além dos já confirmados nas empresas do ramo de joias na cidade de Vazante.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *