Vazantino tem documentos clonados e é surpreendido com dívida de mais de 100 mil reais




O vazantino João Batista de Melo, 58 anos, morador do bairro Novo Horizonte, teve os documentos pessoais clonados e vem sofrendo com cobranças de uma compra que não fez. Ele foi surpreendido com um dívida de R$ 106.804,00. As informações são da Rádio Montanheza 93.5FM.

De acordo com ele, a dívida foi contraída em 2017 e os autores compraram uma caminhonete Mitsubishi L200 Triton. Ele ficou sabendo quando o oficial de justiça chegou a sua casa para recolher o veículo que não está em sua posse.



O caso o deixou desesperado, já perdeu muitas noites de sono e não se alimenta direito. Até o momento não conseguiu resolver a situação.

No site da Rádio Montanheza há uma entrevista sobre o assunto. Acesse -> http://montanheza.com.br/





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *