Número de casos prováveis de dengue em Vazante é quase o mesmo de Patos de Minas, Araguari e Patrocínio, aponta SES-MG




Mais de 4.400 casos prováveis de dengue foram registrados em 2018 em municípios do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba até o dia 3 de julho de 2018.

O último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) mostra que das 61 cidades da região com casos da doença, oito têm incidência muito alta de dengue – Santa Vitória, Lagoa Grande, Ituiutaba, Delta, Conceição das Alagoas, Capinópolis, Campos Altos e Araporã.



Nestes primeiros seis meses do ano, foi registrada uma morte por dengue na região. O óbito é referente a um morador da cidade de Uberaba e foi confirmado em abril.

Em comparação com cidades de mesmo porte Vazante é a cidade com maior número de casos prováveis segundo secretaria estadual de saúde, com 37 possíveis. Coromandel tem 3, Carmo do Paranaíba 3, Nova Ponte 16 e Presidente Olegário 1. Vazante está em situação média de acordo com o relatório e tem número de casos prováveis na mesma proporção de cidades maiores, como Patrocínio (33), Araguari (36) e Patos de Minas (39). Confira os dados completos aqui.



Casos prováveis de dengue em cidades da região:

  • Abadia dos Dourados: 3
  • Araguari: 36
  • Araxá: 69
  • Carmo do Paranaíba: 3
  • Coromandel: 3
  • Guarda-mor: 14
  • Iraí de Minas: 2
  • Ituiutaba: 655
  • Lagamar: 0
  • Monte Carmelo: 11
  • Nova Ponte: 16
  • Patos de Minas: 39
  • Patrocínio: 33
  • Presidente Olegário: 1
  • Rio Paranaíba: 3
  • Uberaba: 601
  • Uberlândia: 1.374
  • Vazante: 37
Fonte: G1



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *