Nos últimos três anos Vazante foi a cidade que mais sofreu ataques em agências bancárias da região; relembre os fatos



Entre 24 de março de 2015 e 07 de junho de 2018 as agências bancárias de Vazante foram alvo de ações de criminosos por sete vezes.

Na região nenhuma outra cidade sofreu tanto neste período como Vazante.





Somente o Banco Brasil foi explodido três vezes. Uma em março de 2015. Outra em julho de 2017 e, agora, em junho de 2018. Nas duas primeiras a agencia ficou praticamente fechada por seis meses. Ainda não há previsão para quando a agência voltará a funcionar normalmente.

Já o Banco Santander sofreu por duas vezes. Na primeira os bandidos agiram silenciosamente e tentaram arrombar os caixas com um maçarico, mas sem sucesso para eles. A segunda vez foi na madrugada de quinta-feira, 07 de junho. Os bandidos explodiram os caixas e levaram uma quantidade desconhecida de dinheiro.





O Banco Itaú também sofreu dois ataques recentes. O primeiro em Julho de 2017. Na ocasião houve explosão e a agência funcionou parcialmente por vários meses. Nesse último ataque os bandidos deram tiros contra a porta da agência e foram surpreendidos pela Polícia Militar antes de explodir o banco.

Em nenhuma dessas ações houve prisões dos envolvidos. São quadrilhas altamente armadas e preparadas com planos de fuga.





Nesse mesmo período Lagamar, Presidente Olegário, Coromandel e Lagoa Grande sofreram dois ataques cada. Guarda-mor um.





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Se deseja utilizar esse conteúdo envie solicitação para: [email protected]