Lei proíbe doação de leite sem pasteurização em Minas



A paralisação dos caminhoneiros e a falta de óleo diesel já afeta a produção de leite em Minas Gerais. Produtores do estado devem dar outra finalidade, como: produção queijos, doces e/ou  derivados ou descartar o produto. Por ser um produto altamente perecível, o leite in natura (não pasteurizado) não pode nem ser doado – já que existe uma lei no estado que proíbe o repasse do leite.

Marcelo Maldonado Cassoli, presidente da Associação dos Produtores de leite Aproleite, explicou que “mesmo com muito ressentimento e dor no coração, os produtores precisam descartar o produto”, pois não há como realizar o transporte.





Para além do desperdício diário do produto, o presidente da Aproleite destacou que há risco de esgotar os estoques e não haver mais alimentos suficientes para dar aos animais envolvidos na produção. Para Cassoli, a categoria deve participar dos protestos , e ainda pediu para que federações e sindicatos de produtores rurais se mobilizem.

 





 





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Se deseja utilizar esse conteúdo envie solicitação para: [email protected]