Frente fria começa a chegar na região de Vazante, Lagamar e Guarda-mor; com ela riscos de doenças



As temperaturas devem cair consideravelmente em Vazante, Lagamar e Guarda-mor nas próximas semanas, de acordo com os Institutos Metereológicos. A onda de frio já é sentida pelos moradores destas cidades, mas ainda de forma amena, os termômetros marcaram 16º nesta madrugada do dia 12 de abril.

O frio mais intenso, segundo o Instituto Clima Tempo, deve ser registrado em maio e junho – inverno inicia dia 21/06 -, mas no fim deste mês de abril, para quem estava acostumado com o calor noturno, já vai sentir a mudança nas temperaturas.





Ao longo do dia o calor deve predominar com temperatura média de 29º até o fim do mês. Já a noite e madrugada a mínima média prevista para essa região é de 17º graus.

Temperatura Baixa é motivo para preocupação por causa de doenças típicas deste clima, como é o caso da gripe. E em Vazante além das baixas temperaturas, que baixa a imunidade das pessoas, a preocupação também é por conta do grande número de pessoas que passarão na cidade nos próximos dias por causa da Festa da Lapa, que acontece nos dias 1º, 2 e 3 de maio.





Algumas orientações são importantes para população evitar contágios com doenças mais perigosas, como por exemplo a Gripe H1N1.

Quais os sintomas da gripe H1N1?





Os sintomas da gripe comum e da gripe H1N1 são muito parecidos e se confundem: febre, tosse repentina, dor de cabeça, dor na garganta, dores musculares, dores nas articulações e coriza. A gripe H1N1 ainda traz mais chances de complicações, como pneumonia, sinusite, otite ou piora de condições pré-existentes, como doenças cardíaca ou pulmonar. Geralmente, os sintomas duram de três a sete dias, podendo a tosse e a dor no corpo persistirem por mais tempo.

Por isso, se você observar alguém com os sintomas listados acima, oriente-o para que procure um médico ou posto de saúde.





Como prevenir o contágio?

Como o vírus é transmitido de pessoa a pessoa principalmente por meio da tosse ou espirro e de contato com secreções respiratórias daquelas já infectadas, alguns cuidados básicos de higiene podem ser tomados, como:

– lavar bem as mãos frequentemente com água e sabão;

– o uso do álcool gel para higienizar as mãos também é recomendado;

– evitar tocar os olhos, boca e nariz após contato com qualquer superfície;

– não compartilhar objetos de uso pessoal, incluindo alimentos, copos e toalhas;

– cobrir a boca e o nariz com lenço descartável ao tossir ou espirrar.

Outras orientações são: evitar o uso de ar-condicionado, manter os ambientes arejados, com portas e janelas abertas, inclusive para reuniões. Pessoas com qualquer tipo de gripe devem evitar ambientes fechados e com aglomeração de pessoas.

Quando procurar o médico, qual o tratamento e o que são os “grupos de risco”?

As pessoas que apresentarem os sintomas de gripe devem procurar atendimento preferencialmente nas primeiras 48 horas após o início dos sintomas. Inicialmente, o tratamento é realizado com medicamentos que aliviem alguns sintomas, repouso e líquidos. Para os pacientes com sinais de agravamento e com condições de risco para complicações, é indicada a utilização de antivirais, porém, a medicação é feita com prescrição médica.

O Ministério da Saúde orienta que mulheres gestantes, idosos acima de 60 anos e crianças de 6 meses a 5 anos de idade precisam redobrar os cuidados, pois são os chamados grupos de risco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Se deseja utilizar esse conteúdo envie solicitação para: [email protected]