Um acidente envolvendo dois veículos na noite desse domingo, 12/11 em Patos de Minas quase terminou com graves consequências. Os condutores dos dois veículos se desentenderam e bateram mais de uma vez. Um dos carros capotou e o outro bateu na parede de uma casa, quase entrando na casa. Por sorte ninguém se feriu.

 A condutora do carro, Ludmila Karenn Silva Correia, de 26 anos, disse que trafegava pela Rua Vereador João Pacheco em seu GM/Corsa, próxima ao Tiro de Guerra, quando foi atingida pelo veículo Fiat/Siena. Ela disse que passou a seguir o veículo para pegar a placa e ligou para a Polícia.

 

 

Ao perceber que estava sendo seguido, o condutor do Siena bateu mais uma vez no Corsa na Rua São Geraldo. A perseguição continuou até a Rua Caiapós no Bairro Padre Eustáquio, quando os veículos bateram de novo. O Corsa parou na parede da residência do senhor José Marins, que levou um tremendo susto. O Siena subiu a calçada, bateu na árvore e capotou, parando com as rodas para cima.

O condutor do Siena, Carlos Roberto de Fontes  saiu do carro e foi embora. Ele voltou logo depois com outra versão. Carlos disse que o marido de Ludmila era quem dirigia o carro e ele é que o fechou. Carlos afirmou que saiu do local porque foi ameaçado. Entretanto, segundo a Polícia Militar, ele confessou que ingeriu bebida alcóolica e foi levado para a Delegacia.

FONTE