Um homem foi morto e quatro conseguiram fugir após uma troca de tiros com a polícia na zona rural de João Pinheiro na noite desta terça-feira (30). Os suspeitos estavam em dois caminhões e uma moto e ficaram próximos de levar 80 cabeças de gado da raça nelore da Fazenda Lucap. A polícia segue atrás do restante da quadrilha.

De acordo com informações da Polícia Militar, agentes que faziam ronda em Luizlândia do Oeste receberam denúncia de um fazendeiro de que havia dois caminhões boiadeiro parados em uma estrada vicinal sentido Fazenda Lucap, com suspeita de que iriam roubar cabeças de gado pela região. Por estarem mais próximos do local, os policiais de JK se dirigiram até a fazenda.
Ao chegarem na região, a testemunha informou que dois caminhões e uma moto haviam passado por sua propriedade em alta velocidade há poucos minutos. Dez quilômetros à frente os agentes encontraram os veículos dentro de uma plantação de eucaliptos.

Os cinco homens estavam na frente dos caminhões e, assim que avistaram os policiais, dispararam contra a viatura. Os militares responderam, ao que quatro indivíduos fugiram para dentro do mato e o quinto, que estava em sua moto, partiu em alta velocidade, mas depois largou o veículo e fugiu pelo matagal.
Os policiais iniciaram as buscas e encontraram um dos suspeitos caídos com um tiro na região do tórax. Tratava-se de Marcos teles de Azevedo, que foi socorrido ao Pronto Socorro Municipal, mas não resistiu e morreu. Segundo os policiais, foi apreendido com o suspeito uma arma calibre .32.

Nas buscas feitas pelos policiais foram encontrados na Fazenda Lucap 80 animais entre vacas e bezerros da raça nelore, em curral fechado próximo ao encarretador, prontos para serem transportados. Equipes da polícia foram chamadas para realizar buscas no intuito de localizar os demais suspeitos, mas até o fechamento desta matéria ninguém foi preso. Os agentes envolvidos no tiroteio foram detidos em flagrante, conforme procedimento padrão, até que os fatos sejam apurados.

Fonte: JP Agora