Com o aumento de casos de explosão de caixas eletrônicos por criminosos, os bancos têm instalado dispositivos antifurto nessas máquinas. Esse mecanismo mancha com tinta rosa as cédulas do caixa eletrônico danificado e as invalida.

Entretanto, é importante que as pessoas fiquem atentas ao receber cédulas manchadas de rosa. A orientação do Banco Central é para que as pessoas recusem e não recebam este tipo de dinheiro. Mas se ele receber sem perceber uma nota manchada no comércio, por exemplo, deve procurar qualquer agência bancária, entregá-la e informar dados pessoais.

Em Patos de Minas, por exemplo, uma comerciante foi impedida de depositar uma cédula de R$100,00 que recebeu de um cliente não conhecido. O dinheiro estava com uma pequena mancha rosa e o banco acabou recusando a cédula.

Na ocasião, a atendente da agencia orientou a comerciante passar a cédula à frente.

Sem saber o que ser feito, a comerciante resolveu divulgar o caso para tentar encontrar uma solução para o problema. Ela disse que não acha certo ficar colocando a nota em circulação e espera que os bancos aceitem o dinheiro. “Recebi de total boa-fé. Nunca imaginava que podia ser produto de furto”, disse a mulher. (Patos Hoje)

Vale lembrar que, nos casos em que o cliente saca o dinheiro, inclusive em caixa eletrônico, há ressarcimento pelo banco.