Os moradores de uma chácara na Rua Ponta Porã, no Bairro Santa Luzia, encontraram um crânio humano nos fundos da casa na manhã deste sábado. A Polícia Militar e o perito da Polícia Civil estiveram no local e suspeitam se tratar de um ritual de magia negra.

O sargento Faria da Polícia Militar disse que a moradora da chácara ligou no telefone 190 e informou que havia encontrado uma ossada no quintal. Ela contou aos policiais que o marido dela foi recolher as roupas que estavam estendidas na cerca quando deparou com o crânio humano ao lado de um copo. A mulher imediatamente acionou a Polícia Militar.

O crânio apresentava ser antigo e não foi possível afirmar no local se trava de um crânio feminino ou masculino. A idade também não foi possível averiguar, somente com o estudo no Instituto Médico Legal, para onde foi levado. Dentro do crânio havia duas sacolas plásticas novas e emboladas.

A principal suspeita tanto da polícia quanto dos moradores do local é que se trata de um ritual de magia negra ou “macumba” como é popularmente conhecido. O delegado de Polícia Civil, Erico Rodovalho, disse que a hipótese mais provável é que alguém possa tê-lo removido do cemitério e descartado ali no local. “Isso será investigado”, finalizou.

Patos Notícias