Em menos de 48 horas cinco pessoas foram baleadas em Vazante; duas morreram



Tradicionalmente a Festa de Nossa Senhora da Lapa em Vazante começa hoje (1º à 4 de maio) e já é a mais violenta dos últimos anos.

A população vazantina está assustada com alto número de disparos de arma de fogo nos últimos dias. Neste domingo (30) dois jovens de 19 anos, em Vazante. O crime ocorreu quando ambos saiam de um banheiro, do estabelecimento “Porão Tabacaria”, localizado na Avenida Paracatu, no centro da cidade.





De acordo com a ocorrência registrada pela Polícia Militar, o fato o correu por volta das 19h30 e o registro policial foi feito já no Hospital Municipal. Lá, um dos jovens relatou aos militares, que ao saírem do banheiro foram surpreendidos por dois indivíduos, que sacaram as armas e atiram contra eles. Após a ação, os autores fugiram tomando rumo desconhecido.

As vítimas foram socorridas pela ambulância até o hospital. Em uma delas, foi constatado ferimento superficial de raspão na testa. Na outra, um ferimento no braço direito provocado também por arma de fogo. O jovem ficou em observação para realização de cirurgia e retirada do projétil que estava alojado.





Segundo a polícia, as vítimas não informaram os nomes dos autores dos disparos por medo de represálias. Ninguém foi preso até o momento.

DOIS MORRERAM E UMA FICOU FERIDA
Este é o segundo crime envolvendo disparos de arma de fogo na cidade em menos 48 horas. O primeiro ocorreu na madrugada de sábado (29), quando dois jovens de 16 e 19 anos, morreram após troca de tiros durante um lual (Veja aqui). Outra jovem de 26 anos ficou ferida e está internada em Patos de Minas.





A Polícia Civil de Vazante investiga os dois casos.

 





Um comentário em “Em menos de 48 horas cinco pessoas foram baleadas em Vazante; duas morreram

  • 1 de Maio de 2017 em 11:15
    Permalink

    Imprensa de Vazante, exceto este site é igual Lula, nunca sabe de nada e só posta notícias que a população não tem interesse. Interessante que a gestão anterior era criticada por má gestão na segurança, mas não me recordo de tantos assaltos e mortes como este ano nos últimos 30 anos. O que tem sido feito pelos governantes da cidade? Parece que procurar debater em Vazante ou criticar é perseguido? Oras, população que elegeu e não cobra? Deve estar muito satisfeita com o que esta ocorrendo na cidade, não é? Eu não tenho coragem de sair a noite. Enquanto isso os vereadores são omissos e não devatem este tema nas reuniões( se tiverem feito me perdoe, mas não sei), os mesmos acham que representa o executivo e não quem os elegeu. Mas pra quê não é? Depois estão de volta…Dizem alguns fanáticos que a cidade melhorou, provavelmente não vão ao hospital( atendimento longo, recepcionistas mal educados) e não andam nas ruas. Olhar o todo galera e não interesse próprio, daqui 3 anos tem outra? Última pergunta, cadê as 5 utis??

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Se deseja utilizar esse conteúdo envie solicitação para: [email protected]