Projeto para duplicação da BR-365 entre Uberlândia/BR-040 é assinado

Minas Gerais

Ministério da Infraestrutura e DNIT autorizam início dos projetos de adequação de trecho de 327,5 km da BR-365/MG

O Ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, e o diretor de Planejamento e Pesquisa do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Luiz Guilherme Rodrigues de Mello, assinaram, nesta terça-feira (2), a ordem de serviço para elaboração de estudos e projetos básicos visando a adequação de capacidade, melhoria da segurança e eliminação de pontos críticos em segmento da BR-365/MG. O trecho tem uma extensão de 327,5 quilômetros e fica localizado desde o entroncamento com a BR-040, em Canoeiros, até o contorno norte de Uberlândia.  O prazo para a execução  dos estudos e projetos é de 410 dias.



A BR-365 é uma das principais rodovias federais no estado de Minas Gerais, com alta demanda de fluxo, tanto de turistas quanto de caminhoneiros que seguem do Centro-Oeste para o Sudeste do Brasil. A rodovia liga o Triângulo Mineiro e o Norte do Estado a Goiás, além de ser o elo com os principais corredores viários para os demais Estados limítrofes.

“Os projetos a serem elaborados vão favorecer o deslocamento da população de Uberlândia, Patrocínio e Patos de Minas e trazer melhorias nas interseções, promovendo mais segurança no ir e vir da rodovia”, avaliou Rodrigues de Mello.



Trevo de Xapetuba

A autorização para o início dos estudos aconteceu durante a cerimônia de inauguração do novo Trevo de Xapetuba, realizada na divisa entre os municípios de Uberlândia e Monte Alegre de Minas. O Trevo de Xapetuba, ligação entre a BR-365 e a BR-452 foi realizado pela concessionária Ecovias do Cerrado, que administra desde 2019, o trecho de 437 quilômetros das BRs 354/365/MG.GO, sob regulação da Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT.



A obra realizada sob concessão facilita o tráfego na região, eliminando um deslocamento de 8 quilômetros para acessar a BR-365. Ela traduz na prática a importância de estudos e projetos, de acordo com as metas e etapas definidas.  É o caso da assinatura do contrato buscando adequar a BR-365 no trecho administrado pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes – DNIT.

“Estamos celebrando entregas cumprindo à risca aquilo que tínhamos planejado: transferir ativos para a iniciativa privada e apostar na conclusão de obras inacabadas. Obras simples, que muitas vezes têm um significado enorme”, afirmou o ministro da Infraestrutura durante a cerimônia.



Patos Agora



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *